domingo , 22 Abril 2018
Início / Picape e SUV / Fiat Toro em crash test da Latin NCAP

Fiat Toro em crash test da Latin NCAP

 

Picape alcança quatro das cinco estrelas possíveis na classificação geral

A segunda série de resultados do ano 2018 do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, Latin NCAP, foi apresentada hoje com resultados alentadores para manter as altas expectativas com o modelo recentemente lançado, o Fiat Toro. Em nossos últimos testes, o Toro ganhou quatro estrelas para a proteção dos ocupantes adultos e crianças.

O Fiat Toro, a nova e leve pick-up lançada em 2017 e produzida no Brasil, conseguiu quatro estrelas para a Proteção do Ocupante Adulto e quatro estrelas para a Proteção do Ocupante Infantil. Nos testes de impacto frontal e lateral, o Toro ofereceu boa proteção para as cabeças dos adultos, proteção adequada e marginal para os peitos, no impacto frontal e lateral respectivamente, com o equipamento mais básico de segurança de dois airbags frontais e Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC). Esse bom desempenho e o do ESC, ambos requisitos do Latin NCAP, garantem as quatro estrelas para a proteção do ocupante adulto. O Toro possui ancoragens ISOFIX como equipamento padrão que, somado à proteção proporcionada nos testes de batida frontal e lateral para os dois ocupantes crianças, acrescentada a máxima pontuação em instalação do SRI, fizeram que o modelo conseguisse quatro estrelas para a proteção do ocupante infantil. O modelo também inclui, como equipamento padrão, um sistema de desconexão de airbags, caso seja necessário instalar um Sistema de Retenção Infantil orientado para trás no banco da frente.

O Latin NCAP também avaliou a versão de seis airbags (opcional) do Toro no impacto de poste, comprovando que proporciona a proteção suficiente para cumprir com os requisitos do Latin NCAP, apresentando boa proteção para quase todas as partes do corpo.

Confira o vide do crash test

 

Vídeo do  Teste de Controle Eletrônico de Estabilidade

Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP, disse:

“É alentador encontrar cada vez mais modelos no mercado como o Toro, que mostra um bom desempenho quanto à segurança de sua versão mais básica de equipamento. A Fiat pode e deve levar esses níveis de desempenho de segurança para todos seus modelos, especialmente para os mais populares. Alentamos a Fiat a aumentar os equipamentos básicos de segurança do Toro, visando atingir as cinco estrelas.

O Latin NCAP demonstrou que a avaliação e a publicação de seus resultados são as ferramentas mais poderosas e eficientes para melhorar a segurança dos veículos no mercado da América Latina e do Caribe antes e além de qualquer regulação governamental regional. O Latin NCAP solicita a todos os governos da América Latina a adotarem urgentemente os padrões de testes de impacto frontal e lateral das Nações Unidas, ESC e proteção de pedestres e permitam, enquanto isso, que os testes do Latin NCAP sejam obrigatórios para todos os carros do mercado. Ao fazer isso, todos os consumidores terão informação clara acerca da segurança proporcionada pelo modelo que planjam comprar”.

Ricardo Morales Rubio, Presidente da Comissão Diretiva do Latin NCAP, comentou:

“O poder do consumidor está se tornando mais forte na região da América Latina e do Caribe, fazendo que os fabricantes de carros reajam e ofereçam modelos de segurança cada vez melhores. A mudança é real, mas ainda há muito mais para fazer. Os consumidores necessitam o compromisso de todos os fabricantes e, também, dos governos para poderem salvar mais vidas na região”.

 

RELATÓRIO COMPLETO:

COMENTÁRIOS

Impacto frontal: A proteção oferecida à cabeça e ao pescoço do motorista e do acompanhante foi boa. O peito do motorista, bem como o do acompanhante, recebeu uma proteção adequada por parte dos sistemas de retenção. Os joelhos do motorista e os do acompanhante apresentaram boa proteção. As tíbias do motorista mostraram proteção adequada e as do acompanhante, boa. A área dos pés é estável, exibindo deformação insignificante. A proteção dos pés é boa. A estrutura foi considerada estável. Impacto lateral: o veículo proporcionou boa proteção à cabeça, abdome e pelve, enquanto o peito conseguiu proteção marginal. ESC: O ESC foi avaliado, cumprindo seu desempenho com os requisitos regulamentares do Latin NCAP. O carro conta com sistemas de lembrete de cinto de segurança nas duas vagas da frente. Por causa de tudo isso, o carro ganhou quatro estrelas quanto à proteção do ocupante adulto.

 

Sobre Nilton Saciotti

Nilton Saciotti é publicitário e jornalista (MTB – 04871) passou por agências PA Publicidade (Grupo Pão de Açúcar), Master Comunicação e Arvore Sul. Em 1996 especializou no jornalismo automotivo com programas de TV nas afiliadas do SBT, Record e Rede Mercosul no Paraná e em 2017 completou 850 páginas publicadas sobre carros durante 15 anos no Jornal Bem Paraná (Ex Jornal do Estado) em Curitiba.

Além disso, verifique

JAC T40 CVT um SUV chinês de bom custo/benefício

  Sem as amarras de cotas do Inovar-Auto, que foi encerrado em dezembro de 2017, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

*